Fazendo uma policorte caseira com uma esmerilhadeira de mão e sucata

2015-10-21 19.43.50
Andei apanhando na oficina para soldar pontas fora de esquadro e depois disso fiquei sonhando com uma esquadrejadeira/policorte. Só que isso nunca foi uma prioridade para investir essa grana (entre 600 e 1500 reais) para usar um ou dois dias ao mês, fora o que o espaço da oficina é pequeno e uma máquina dessa mesmo que a mais simples é pesada e volumosa.

2015-10-21 19.44.20

O parafuso de cima dá a firmeza para a máquina, e esse na cantoneira dá o alinhamento. Como ele não entra arrochado, acabou caindo com a vibração a solução foi colocar um pouco de trava-rosca tekbond na ponta dele. Ficou ok.

Como eu tenho duas esmerilhadeiras, que ganhei do meu cunhado que fechou o negócio dele, pensei em continuar com uma normal de mão e colocar a outra pra fazer uma esquadrejadeira.

Processo

  • Pesquisei o que já tinham feito
  • Fui fazendo por partes: primeiro a base com a dobradiça de porta pequena, depois a haste para então depois calcular uma altura razoável, lembre-se que quando maior as peças que voce quer cortar maior tem que ser a sua base e a altura da máquina.
  • Os parafusos dessa máquina são de 8mm. Acredito que seja padrão

    Montagem da esmerildeira no suporte

    Estava testando as dimensões e o movimento, se a altura estava ok para o que eu queria etc.

Vantagens

  • O tamanho e peso dão mais mobilidade e dá pra guardar numa prateleira;
  • O disco maior de 7″ rende muuuuito mais que o disco de corte pequeno. Num dia de trabalho eu usava uns 3 discos (R$ 5,oo cada), agora com o disco maior de 7″ (R$ 8,00) já cortei uns 4 dias e nem fez cosquinha no disco;
  • Preço, como eu tinha sucata de metalon, foi sem custo.

Desvantagens

  • Velocidade, com o disco grande a rotação cai, então tem que ir com calma;
  • A largura está limitada a uns 4,5 cm mas me atende bem, isso vai depender do seu projeto também, colocando a maquina mais alta voce vai poder cortar peças mais espessas;
  • No meu projeto ficou meio chato de ligar ela no botão da maquina, nada demais mas da pra pensar num interruptor separado;
  • Segurança, use com sabedoria zen e sem a coragem dos suicidas.
Mola para retorno

A primeira mola presa nas porcas ficou pouco tensa na posição inicial então adicionei mais uma que deu conta. Esse é um detalhe que dá conforto na operação e ajuda a se concentrar em apenas um movimento quando a peça já foi cortada


Pontos importantes:

Eu não gosto do projeto desse braço com uma cantoneira que tem o parafuso que entra no topo da maquina, mas ele é importante tanto para dar firmeza quanto para dar um ajuste fino no alinhamento da máquina.

A base de madeira foi uma solução simples que deu firmeza e um bom peso para a base. Achei melhor do que um estrado de metalon.

Me inspirei basicamente em dois sites para fazer:

http://www.instructables.com/id/Cut-Off-Saw-from-an-Angle-Head-Grinder/

2015-10-21 19.44.232015-10-21 19.44.262015-10-21 19.44.43

2015-10-21 19.44.06-2

Saiba que voce pode ficar sem uns dedinhos ou algo pior se isso não ficar bem feito, construa por sua própria conta e risco.

Anúncios

Corte das barras roscadas de 8mm

Nada demais, o post só vale pela satisfação de dar um pequeno passo e pela pequena dica do aproveitamento das barras. Cheguei de noite em casa e cortei as barras que estavam ocupando um bom pedaço da mini bancada que temos em casa. Antes que a Nat se irritasse, fiz o serviço para guarda-las em um lugar menor.

Ai vão algumas recomendações:

1) Vá com calma, projete o erro que voce vai ter (as medidas são em mm, como um pedaõ de 294mm). Meça antes de cortar, depois de fixar para cortar também, sinta o material e que uma escorregadinha vai ter 1mm ou 2mm, se isso ocorrer, faça de maneira a ser para MAIS, como? Fixe a barra de maneira diferente para perder o lado que voce costuma desviar.

2) Siga o aproveitamento do corte proposto no site. Por isso é bom ver e rever o wiki da Reprap porque as vezes a navegação é diferente e voce ve uma pagina cheia de detalhes que voce nao tinha visto ainda.

A sugestão para o corte das barras roscadas está no próprio site

Para não ter desperdício e ainda tem sugestões para o uso das sobras.

2) Para segurar a barra numa morsa, sargento ou grampo, use uma madeira ou borracha  ou a rosca pode ficar danificada te dando alguma dor de cabeça depois.

A foto não mostra nenhum detalhe, mas tinha uma borracha na morsa.

3) Use uma lima ou um Dremel para aparar as pontas, cuidado para não danificar a entrada da rosca e teste com uma porca para ver se está entrando bem. Uma ponta pode ficar mais saliente e desnivelar a entrada da porca fazendo ela entrar torta te dando aporrinhação e quiça estragando a rosca de um ou de outro.

Barras cortadas com medidas

Nada como a sensação do dever cumprido