Novos produtos da Ultimachine

A ultimachine soltou um post com produtos novos, particularmente gostei das correias e polias GT2 com o kit a USD 36,oo, as LM8UU a USD 1.75 cada e materiais de impressão novos, como o Policarbonato (PC) que é ultrarresistente (é assim que usa essa estranha nova ortografia?) e um tal de PVA solúvel em água.

Correia e Polia

Tentação

http://ultimachine.com/content/timing-belt-pulley-gt2-kit

Policarbonato

UltiMachine Recently Added Products | UltiMachine

http://ultimachine.com/content/polycarbonate-3mm-clear-1kg-spool

UltiMachine Recently Added Products | UltiMachine.

via UltiMachine Recently Added Products | UltiMachine.

Anúncios

Fornecedor: barras lisas, ou guia linear

Graças ao Maia e ao Roberto [RJ] Wazen achamos um fornecedor no Rio! Eu perdi duas tardes em São Cristóvão buscando isso, mas agora temos um lugar para nos abastecer aqui na Cidade Calamitosa:

Tupaíba Ferro e Aço
Rua Bonsucesso, 457 – an 1
Rio de Janeiro – RJ – CEP 21040320
Bairro: Bonsucesso
Tel.: (21) 2560-6887

As barras que foram compradas, eram de aço chromo e 3m foram cerca de R$ 37,oo.

http://inbr.biz/tupaiba-ferro-e-aco-ltda
aqui, no apontador

Mais sobre as barras roscadas:
Neste post: Smooth Rod, eixo ou guia linear?
Reciclando as barras lineares de impressoras velhas 

Smooth rod. Eixo ou guia linear?

Função, especificações e opções.
As guias lineares, ou eixos, servem para auxiliar e dar firmeza aos movimentos paralelos na mesa que são tracionados pelas correias e no eixo vertical (z) que é movido através das barras roscadas. Aí vão deslizar as LM8UU, buchas ou qualquer outra coisa que voce inventar.

Estrutura

Imagem do manual em pdf, feito pelo Gary Hodgson (http://garyhodgson.com/reprap), todo mundo deveria ler antes de começar a montar. Alguns conceitos e mecanismos ficam muito mais claros.

Afinal, qual o nome: eixo ou guia linear?
Como de costume aqui no Rio de Janeiro, o atendimento é de regular a péssimo e o balconista não se preocupa ou tenta entender o que voce quer. Me pareceu que a prioridade é mostrar superioridade atrás do balcão e tirar onda com a sua cara. No final a discussão sempre girava em torno de: uma “coisa redonda assim” não é guia, é eixo ou “se voce não sabe o que quer e eu não te vendo”.Algumas vezes voce vai ter que adaptar, mas sempre se baseie no wiki ao invés de inventar e olhar depois!

Depois de algumas buscas infrutíferas, comprei de São Paulo diretamente com o Rubens Aranda que é participante do grupo ReprapBr. As barras já vieram cortadas no tamanho, com o acabamento do corte bem feito e muito bem embalado. O preço me foi justo: R$ 66,00 já incluído o frete. Contando que o vaga certa é R$ 2,oo e gastei uns 4, mais a gasolina, o tempo de hora de trabalho que perdi em São Cristóvão a 40ºC valeu muito a pena.

Mm? Lamento, só temos em polegada.
Cheguei a achar na Cavallo Aços Especiais, onde o atendimento foi excelente (não existe  balcão), você vai direto na oficina com quem entende do assunto. No entanto eles só tinham barras em polegada, o famoso 5/16″. Um problema é que o vendedor já falou que o material é flexível, e não é retificado, a loja é mais voltada para construções náuticas e a barra parece mais um vergalhão de luxo do que para usar em uma estrutura bem justa.

Perguntei no fórum e parte dos reprapzeiros usam 5/16 com a LM8UU (de 8mm) e dizem que a folga é imperceptível. Acredito sim pois a diferença é de 0,06mm. Para achar estas medidas eu chego no google e digito “5/16 inch to mm” e pronto: (5/16) inch = 7.9375 millimeters. Então, se voce achar uma boa barra de 5/16 e tiver as LM8UU, pode mandar brasa!

Mais dúvidas de conevrsões use isso:
https://www.google.com/intl/pt-BR/help/features.html#calculator

Mas e a flexibilidade?
Muito se discutiu no grupo sobre a flexibilidade e oxidação entre um tipo de aço carbono, cromado ou outros. No final das contas, na ficou provado que a diferença de flexibilidade/dureza entre um e outro é desprezível pelas dimensões da PRUSA. Sobre a ferrugem há discordâncias, não altera o funcionamento a princípio mas no final dá mais trabalho para a manutenção devido a necessidade de lubrificação. Aqui vai o endereço da thread:
https://groups.google.com/d/topic/reprapbr/f2sLmhI8UG4/discussion

Afinal, onde comprar?
Como já falei, aqui no Rio de Janeiro foi bastante frustrante, fui algumas vezes a São Cristóvão e nada…  Comprei com o Rubens mas na lista as pessoas também compram na Marvitubos ou Kalatec o que para mim implicaria mais interurbanos pois estes lugares mais industriais ao contrário da China ou eBay não são muito afeitos a email. Como foi a única compra de eixos que fiz na vida, recomendo pois não tive trabalho nem estresse nem desperdício de material.

Referencia
O blog do Diogo Rodrigo Reis tem um post bacana sobre esta etapa da montagem: http://digoreis.net/projetos/2012/01/termino-da-estrutura/

Lembrete repetitivo:
A Prusa foi projetada para ser simples! Sempre que as coisas começarem a ficar confusas com especificações demais, volte as origens: o wiki da reprap.org.

Corte das barras roscadas de 8mm

Nada demais, o post só vale pela satisfação de dar um pequeno passo e pela pequena dica do aproveitamento das barras. Cheguei de noite em casa e cortei as barras que estavam ocupando um bom pedaço da mini bancada que temos em casa. Antes que a Nat se irritasse, fiz o serviço para guarda-las em um lugar menor.

Ai vão algumas recomendações:

1) Vá com calma, projete o erro que voce vai ter (as medidas são em mm, como um pedaõ de 294mm). Meça antes de cortar, depois de fixar para cortar também, sinta o material e que uma escorregadinha vai ter 1mm ou 2mm, se isso ocorrer, faça de maneira a ser para MAIS, como? Fixe a barra de maneira diferente para perder o lado que voce costuma desviar.

2) Siga o aproveitamento do corte proposto no site. Por isso é bom ver e rever o wiki da Reprap porque as vezes a navegação é diferente e voce ve uma pagina cheia de detalhes que voce nao tinha visto ainda.

A sugestão para o corte das barras roscadas está no próprio site

Para não ter desperdício e ainda tem sugestões para o uso das sobras.

2) Para segurar a barra numa morsa, sargento ou grampo, use uma madeira ou borracha  ou a rosca pode ficar danificada te dando alguma dor de cabeça depois.

A foto não mostra nenhum detalhe, mas tinha uma borracha na morsa.

3) Use uma lima ou um Dremel para aparar as pontas, cuidado para não danificar a entrada da rosca e teste com uma porca para ver se está entrando bem. Uma ponta pode ficar mais saliente e desnivelar a entrada da porca fazendo ela entrar torta te dando aporrinhação e quiça estragando a rosca de um ou de outro.

Barras cortadas com medidas

Nada como a sensação do dever cumprido