Thick Sheet, ou aquelas placas de madeira da Prusa que quase não se fala na montagem

Todo mundo tem vontade de comprar as peças logo sair montando a Prusa de uma vez, mas a não ser que voce compre o kit completo, o deve sair barato por mais de R$ 3.000,oo, voce vai ter que correr atrás, ir em lojas desconhecidas do grande público, desmontar aparelhos para catar motores, fios ou rolamentos e adaptar bastante, o que convenhamos, é a parte mais legal.

Um destes dilemas foi quando precisei das bases de madeira para a mesa do eixo X. Ficou obscuro pelo wiki o que eu deveria fazer, onde entravam as placas se eram uma ou duas (algumas pessoas fazem só com uma) e fiquei sem saber o que fazer.

Opções no Thingiverse
Tem algumas diferentes, essas podem ser cortadas numa CNC laser ou router, mas o mais simples mesmo são as opções oficiais que o Muringa me passou do blog do Adrian.
http://www.thingiverse.com/thing:15888

Solução simples
Me foi passada pelo Muringa num pdf. É essa que estou seguindo. A rigor, não precisa destes desenhos mirabolantes feitos em sua maioria para economizar peso e melhorar a visualização e resfriamento pelos seus furos.
http://reprap.org/wiki/Thick_Sheet

Resumo
As placas podem ser feitas em qualquer material que aguente o tranco e não tem uma função tão especial assim para justificar um investimento alto. Para ficar no simples e barato, a maioria vai de MDF. A versão 2 (iteraction 2) da Prusa usa somente uma placa de 225mm×225mm sobre os rolamentos lineares. Os furos são simples de fazer também.

Anúncios